trapaceiros estão sendo infectados com malware

trapaceiros estão sendo infectados com malware

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Especialistas em segurança digital identificaram um novo tipo de malware que pode infectar alguns jogadores de ‘Call of Duty: Warzone’. A Activision, produtora do game, declarou que o ataque funciona disfarçado como um simples “macete”, e está sendo distribuído em fóruns na internet há mais de um ano.

Apesar de o uso de cheats ser relativamente comum entre os gamers, essa prática é ainda mais frequente em títulos como ‘Warzone’, em que o jogador recebe apenas uma única vida por partida.

publicidade

Como o golpe funciona

Ao confirmar o download do arquivo infectado, um malware chamado “Dropper” começa a rodar no PC da vítima, abrindo espaço para o roubo de dados pessoais. A companhia responsável pelo jogo ressalta que esse golpe pode ser personalizado no futuro para “instalar outro malware mais destrutivo”.

Novo golpe é difundido na internet desde o ano passado. Imagem: Yuttanas/Shutterstock

A boa notícia é que menos pessoas serão prejudicadas pelo problema, já que para funcionar, a ameaça precisa de permissões de acesso e a alteração de algumas configurações pelo usuário, como, por exemplo, desabilitar o seu antivírus.

A popularidade desses softwares fraudulentos causam frustração tanto nas vítimas como em quem prefere seguir as regras legítimas nos games, e agora também representa uma oportunidade para os cibercriminosos agirem.

Os pesquisadores responsáveis ​​pela descoberta explicaram que as dependências para que o golpe funcione são as mesmas para a execução da maioria das ferramentas de malware. Os especialistas acrescentaram que esse método “aproveita a disposição de seu alvo de voluntariamente reduzir suas proteções de segurança e ignorar avisos sobre a execução de software malicioso” para funcionar.

Leia mais:

Para se proteger contra o ataque, a Activision recomenda de antemão que os jogadores evitem trapacear em ‘Call of Duty: Warzone’. Outra dica é baixar seus arquivos apenas de fontes confiáveis e proteger seus dispositivos com algum antivírus de confiança.

Outro aviso publicado em fevereiro, revelou que o jogo já havia bloqueado 60 mil contas pelo uso de trapaças. Por fim, a produtora do título reforça que está comprometida em “oferecer uma experiência justa e divertida para todos”.

Via: Tech Radar

FONTE ORIGINAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Suporte
Estamos online...