10 anos de ‘Game of Thrones’: por onde anda o elenco?

10 anos de ‘Game of Thrones’: por onde anda o elenco?

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Uma das séries mais bem sucedidas no mundo, ‘Game of Thrones’ estreou há quase dez anos na HBO (o aniversário é no próximo dia 17), e se seguiu por oito temporadas com recordes crescentes de audiência para o canal de TV a cabo. A produção marcou um ponto de virada para as séries de TV, que passaram receber mais atenção – e maior orçamento – antes mesmos da popularização do streaming. Na época, o elenco de ‘GoT’ estava em alta em Hollywood.

Leia também:

publicidade

Mas após o fim (controverso) da série, o que aconteceu com seus atores e atrizes? Os que já eram famosos antes do show conseguiram manter suas carreiras? As revelações seguraram o hype e emendaram trabalhos em produções de sucesso? Vamos aproveitar o aniversário de 10 anos de ‘Game of Thrones’ e ver como está parte do seu elenco hoje:

Emilia Clarke (Daenerys Targaryen)

Emilia Clarke como Daenerys Targaryen em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

A britânica Emilia Clarke tinha feito somente algumas pontas em filmes antes de encarnar a Mãe dos Dragões em ‘Game of Thrones’ – e nem era a primeira opção para o papel, tendo substituído Tamzin Merchant (‘The Tudors’) depois da filmagem do piloto. Ainda durante a série, ela participou de duas grandes franquias do cinema: interpretou a jovem Sarah Connor em ‘O Exterminador do Futuro: Gênesis’ (2015) e Qi’ra, o interesse romântico do protagonista de ‘Han Solo: Uma História Star Wars’ (2018). Os dois filmes foram bastante criticados, por sinal.

A “Khaleesi dos Dothraki” encontrou um terreno mais fértil nos filmes românticos. Fez muita gente chorar como Lou Clark em ‘Como Eu Era Antes de Você’ (2016) e como Kate em ‘Uma Segunda Chance para Amar’ (2019). Ainda sobrou tempo para fazer dois thrillers que não chamaram muita atenção nas bilheterias: ‘Voice from the Stone’ (2017) e ‘Crime e Desejo’ (2019). Atualmente está gravando as vozes de um dos personagens da animação ‘The Amazing Maurice’.

Kit Harington (Jon Snow)

Kit Harington com Jon Snow em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Kit Harington com Jon Snow em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

Outra “cria” de ‘Game of Thrones’, o inglês Kit Harington bem que tentou emplacar uma carreira de galã em Hollywood, mas não soube escolher muito bem seus papeis. Ainda durante a série, estrelou o sofrível ‘Silent Hill: Revelação’ (2012) e o épico/catástrofe ‘Pompeia’ (2014). Sua atuação em ‘GoT’ lhe credenciou para outra fantasia, ‘O Sétimo Filho’ (2014), que até tem um bom elenco com Jeff Bridges, Julianne Moore, Alicia Vikander e Djimon Hounsou, que poderia funcionar na teoria. Mas só na teoria.

Fez drama romântico em ‘Juventudes Roubadas’ (2014), ação em ‘Spooks: O Mestre Espião’ (2015) e voltou ao terror em ‘Amaldiçoada’ (2016), mas sem nenhum grande destaque. Harington pode voltar a cair nas graças do público com o único gênero que não tentou ainda: super-herói. Ele faz parte do elenco de ‘Os Eternos’, um dos filmes da Fase 4 do Universo Cinematográfico da Marvel, previso para estrear ainda em 2021.

Peter Dinklage (Tyrion Lannister)

Peter Dinklage (Tyrion Lannister) em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Peter Dinklage (Tyrion Lannister) em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

Possivelmente o maior destaque de ‘Game of Thrones’, o norte-americano Peter Dinklage trabalhou muito em Hollywood antes de conquistar seu merecido destaque. Durante a série, interpretou vilão Bolivar Trask em ‘X-Men: Dias de um Futuro Esquecido’ (2014) e foi um dos protagonistas da comédia Pixels (2015).

Versátil, o ator participou tanto do premiado ‘Três Anúncios para um Crime’ (2017) quanto do super blockbuster ‘Vingadores: Guerra Infinita’ (2018). Recentemente esteve na comédia ‘Eu Me Importo’ (2020), da Netflix, e tem nada menos do que outros oito projetos engatilhados para os próximos anos.

Lena Headey (Cersei Lannister)

Lena Headey (Cersei Lannister) em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Lena Headey (Cersei Lannister) em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

Outra que trabalhou muito antes – e depois – de ‘Game of Thrones’, Lena Headey começou sua carreira ainda nos anos 1990. Antes de ‘GoT’, também fez a Sarah Connor, mas na série ‘O Exterminador do Futuro: As Crônicas de Sarah Connor’ (2008), e a rainha Gorgo de ‘300’ (2006). Ela ainda fez a vilã Ma-Ma no que é uma das minhas adaptações favoritas das HQs para o cinema: ‘Dredd: O Juiz do Apocalipse’ (2012).

Com a projeção conquistada em ‘Game of Thrones’, Headey conseguiu uma série de papeis, como em ‘Uma Noite de Crime’ (2013), ‘Os Instrumentos Mortais: Cidade dos Ossos’ (2013), ‘Orgulho e Preconceito e Zumbis’ (2016) e a sequência de ‘300’, ‘300: A Ascensão do Império’ (2014). Depois do fim de ‘GoT’, a atriz fez outras séries, como ‘O Cristal Encantado: A Era da Resistência’ (2019) e será a voz da Maligna na próxima adaptação de ‘He-Man’.

Sophie Turner (Sansa Stark)

Sophie Turner (Sansa Stark) em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Sophie Turner (Sansa Stark) em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

Com apenas 15 anos, Sophie Turner fez sua estreia como atriz em ‘Game of Thrones’. O papel de Sansa Stark chamou a atenção dos produtores, que lhe escalaram para fazer outra ruiva famosa da ficção: a mutante Jean Grey, dos X-Men, em dois filmes da franquia: ‘X-Men: Apocalipse’ (2016) e ‘X-Men: Fênix Negra’ (2019). Aí a Disney comprou a Fox e acabou com essa palhaçada.

Nesse interim, a atriz ainda participou de outras produções teens, como suspense ‘Meu Outro Eu’ (2013), a aventura ‘Escola de Espiões’ (2015) e a comédia ‘Loucura do Tempo’ (2018). Atualmente, emprestará sua voz para a animação ‘The Prince’, que vai tirar “um sarro” da vida do príncipe George, filho de William e Kate Middleton, terceiro na linha de sucessão ao trono britânico. Sophie fará sua irmã mais nova, Charlotte.

Maisie Williams (Arya Stark)

Maisie Williams (Arya Stark) em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Maisie Williams (Arya Stark) em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

A irmã de Sansa (e melhor amiga de Sophie Turner na vida real) também estreou em ‘Game of Thrones’ bem jovem, com 14 anos. Mas desde então vem trabalhando intensamente, aproveitando o sucesso da série para construir uma carreira sólida. Durante a série estrelou, entre outros, os filmes ‘Uma viagem infernal’ (2013), ‘iBoy’ (2017) – um dos primeiros filmes da Netflix -, ‘Mary Shelley’ (2017) e até alguns episódios de ‘Doctor Who’ em 2015.

Mais recentemente, Maisie pode ser  vista em ‘Os Novos Mutantes’ (2020), último filme dos mutantes da Marvel produzido pela Fox (antes da Disney comprar o estúdio e acabar com essa palhaçada) e no terror ‘Os Proprietários’ (2020).

Nikolaj Coster-Waldau (Jamie Lannister)

Nikolaj Coster-Waldau (Jamie Lannister) em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Nikolaj Coster-Waldau (Jamie Lannister) em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

Antes de encarnar o canalha que amamos em ‘Game of Thrones’, Nikolaj Coster-Waldau tinha uma carreira extensa na Dinamarca, seu país natal, que começou ainda nos anos 1990. Na sua chegada a Hollywood, fez papeis pequenos em filmes grandes, como Falcão Negro em Perigo (2001) e Cruzada (2005) – ambos dirigidos por Ridley Scott.

Depois de ‘GoT’, conseguiu papéis com um pouco mais de destaque, como no terror ‘Mama’ (2013), produzido por Guillermo del Toro, e no épico de grande orçamento e baixa qualidade, ‘Deuses do Egito’ (2016). Seu trabalho mais recente foi no thriller ‘Caça Mortal’ (2020).

Gwendoline Christie (Brienne de Tarth)

Gwendoline Christie (Brienne de Tarth) em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Gwendoline Christie (Brienne de Tarth) em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

Modelo, dançarina e ginasta, a impressionante Gwendoline Christie fez poucos trabalhos (principalmente para a TV) antes de ‘Game of Thrones’. O papel da cavaleira Brienne de Tarth lhe caiu como uma luva, e catapultou a atriz britânica para novos papeis em ‘Jogos Vorazes: A Esperança – O Final’ (2015) e dois capítulos da saga ‘Star Wars’: ‘O Despertar da Força’ (2015) e ‘Os Últimos Jedi’ (2017). Ela ainda fará o papel de Lúcifer na adaptação de ‘Sandman’ para a Netflix.

Aidan Gillen (Petyr Baelish)

Aidan Gillen (Petyr Baelish) em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Aidan Gillen (Petyr Baelish) em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

“De onde eu conheço esse cara?”. Muitos devem ter se feito essa pergunta, vendo Aidan Gillen como “Mindinho” em ‘Game of Thrones’. Você “conhece esse cara” de alguns trabalhos, como ‘Bater ou Correr em Londres’ (2003), ‘Despertar dos Mortos’ (2009), ‘Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge’ (2012), ‘Bohemian Rhapsody’ (2018), da série ‘Peaky Blinders’ (2017) e até do jogo ‘Quantum Break’ (2016), do Xbox.

Natalie Dormer (Margaery Tyrell)

Natalie Dormer (Margaery Tyrell) em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Natalie Dormer (Margaery Tyrell) em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

Por outro lado, aposto que você lembra todas as vezes que viu Natalie Dormer atuando. Como esquecer dela na série ‘The Tudors’ (2007), ou como a enfermeira tanto de ‘Capitão América: O Primeiro Vingador’ (2011), quanto em ‘Rush: No Limite da Emoção’ (2013). Natalie ainda esteve nas duas partes de ‘Jogos Vorazes: A Esperança’ (2014 e 2015) e mais recentemente participou de ‘Penny Dreadful: City of Angels’ (2020).

Pedro Pascal (Oberyn Martell)

Pedro Pascal (Oberyn Martell) em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Pedro Pascal (Oberyn Martell) em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

Sete episódios. Foi o que precisou para que Pedro Pascal tornasse Oberyn Martell um dos personagens mais amados de ‘Game of Thrones’ e levar o ator chileno ao estrelato de Hollywood. Depois da traumática morte do seu personagem em ‘GoT’, Pascal fez a série ‘Narcos’ (2015), da Netflix, e os filmes ‘Kingsman: O Círculo Dourado’ (2017), ‘Se a Rua Beale Falasse’ (2018) e ‘Mulher-Maravilha 1984’ (2020), entre outros. Mas seu trabalho mais popular agora certamente é o caçador de recompensas protagonista de ‘The Mandalorian’, a série de ‘Star Wars’ do Disney+.

Jason Momoa (Khal Drogo)

Jason Momoa (Khal Drogo) em 'Game of Thrones'. Imagem: HBO/Divulgação
Jason Momoa (Khal Drogo) em ‘Game of Thrones’. Imagem: HBO/Divulgação

Um personagem que, apesar de aparecer em vários episódios da primeira temporada de ‘Game of Thrones’, mal fala. E quando fala, é numa língua que ninguém entende. Mas o havaiano Jason Momoa é um sujeito tão carismático que conseguiu usar o Khal Drogo como trampolim para torná-lo uma mais bem pagas estrelas de Hollywood hoje.

Antes de ‘GoT’, Momoa fez as séries ‘S.O.S. Malibu’ (entre 1999 e 2001) e ‘Stargate: Atlantis’ (2005 a 2009). No cinema, protagonizou ‘Conan, o Bárbaro’ (2011), a mais recente tentativa de adaptação da obra de Robert E. Howard. Depois de ‘Game of Thrones’, foi escalado principalmente para filmes de ação, como ‘Alvo Duplo’ (2012), ‘Aventura Perigosa’ (2016) e ‘Perigo na Montanha’ (2018), além da série ‘Frontier’ (2016).

Mas foi Zack Snyder que viu em Momoa potencial para viver o Aquaman no Universo DC, o que lhe garantiu o papel do herói em ‘Batman vs Superman: A Origem da Justiça’ (2016), ‘Liga da Justiça’ (as duas versões, de 2017 e 2021) e o próprio ‘Aquaman’ (2018), até hoje, filme de maior sucesso da editora do Batman, Superman e Mulher-Maravilha.

FONTE ORIGINAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Suporte
Estamos online...